Loading

Temer corta verba para vestibulinho: tchau meritocracia

Fale com o PMP: redacao@portaldomovimentopopular.com.br

Foto divulgação

Brasília/DF- Estudantes do Instituto Federal (IF) de São Paulo divulgaram na semana passada manifesto contra o processo seletivo por análise escolar.

Segundo os estudantes, o Ministério da Educação não repassou os recursos para o vestibulinho que tradicionalmente é feito para seleção de novos alunos. Para eles isto ocorre devido a PEC 55/2016 que congelou por vinte anos o gasto com Educação e Saúde e deve fazer com que estas áreas percam R$ 500 bilhões neste período.

Segundo o manifesto todos os processos de seleção são injustos, mas muitos estudantes se preparam para a prova no segundo semestre e a agora não poderão fazer o vestibulinho. Ainda apontam que a analise por currículo “pode dar margem a grande falsificação e não considera a defasagem educacional entre as escolas, só avalia o conhecimento em duas matérias, e não dá aos candidatos possibilidade de agir para mudança do resultado”.

Os estudantes apontam que uma decisão desta magnitude deveria ter um grande debate em toda a comunidade, que se quer foi feito.

O desastre do governo golpista vai lentamente destruindo o Instituto Federal e prejudicando toda uma geração.

Veja o manifesto na integra:

Jornalistas Livres / Redação PMP 

Categorias: Barbaridades do Temer

Palavras-chave: , ,